Chineses conhecem projeto do Aeroporto da Serra e do Trem Regional

Representantes da empresa China Railway, responsável pela construção de 70% das rodovias chinesas, estiveram pela região da Serra nesta quarta-feira. A empresa tem interesse em investir na Serra Gaúcha. Em Caxias do Sul eles se reuniram com o prefeito Flávio Cassina onde conheceram o projeto do novo aeroporto regional de Vila Oliva.

O secretário de Gestão e Finanças e da Receita Municipal, Paulo Dahmer enfatizou para a comitiva chinesa que a construção do Aeroporto da Serra Gaúcha não beneficiará somente Caxias do Sul. “São 53 municípios que fazem parte da Serra Gaúcha. A construção do aeroporto beneficiará a todos”, informou, também explicando o que compete ao Município, Estado e Governo Federal na questão.

O Vice-prefeito e secretário municipal de Planejamento, Edio Eloi Frizzo destacou a relevância do projeto, visando uma parceria público-privada. “A construção será, também, uma alternativa ao principal aeroporto do Estado, o Salgado Filho em Porto Alegre”, afirmou. A intenção do executivo caxiense é elaborar uma parceria público-privada com a estatal chinesa.

Os chineses também se reuniram com prefeitos e secretários de 14 municípios da região da Serra para conhecer o projeto do Trem da Serra Gaúcha. O encontro aconteceu na Câmara de Vereadores de Caxias do Sul.

A iniciativa pretende ligar os 14 municípios – Bento Gonçalves, Garibaldi, Carlos Barbosa, Farroupilha, Caxias do Sul, Nova Petrópolis, Gramado, Canela, São Francisco de Paula, Cambará, Jaquirana, São José dos Ausentes, Bom Jesus e Vacaria – por meio de uma ferrovia para o transporte de passageiros e de carga.

O plano para a construção da rodovia é dividido em quatro partes. Inicialmente, deve ser prioridade o trajeto Bento Gonçalves – Caxias do Sul. A partir de agora será elaborado um relatório pelo escritório brasileiro e enviado para a matriz chinesa para analisar a viabilidade econômica e financeira do projeto.

 

Foto: João Pedro Bressan