Comunidade de Farroupilha poderá doar sangue no município na próxima quarta-feira

O Hospital Beneficente São Carlos e o Hemocentro Regional de Caxias do Sul (Hemocs) realizam na próxima quarta-feira, dia 17, campanha de doação de sangue em Farroupilha. O intuito é facilitar a doação, pois os interessados em doar não precisarão se deslocar até Caxias do Sul. A unidade móvel do Hemocs ficará estacionada em frente ao hospital, na rua da República, realizando a coleta das 9h às 11h e das 13h30 às 15h. Os interessados devem fazer sua inscrição até a próxima sexta-feira, dia 12, pelos telefones (54) 9 9969-5454 ou (54) 9 9934-3800.

De acordo com a secretária de Saúde de Farroupilha, Rosane da Rosa, o intuito é arrecadar aproximadamente 80 bolsas de sangue nesta ação. “É importante destacar a importância deste momento de fazer a doação de sangue, que a gente sempre tem a preocupação de repor o estoque de sangue, porque é importante que sempre esteja bem suprido. Estamos em uma região em que ocorrem muitos acidentes. Então, a gente tem essa preocupação de estar sempre repondo os estoques para garantir um bom atendimento”, comenta.

Há critérios que permitem ou que impedem uma doação de sangue, que são determinados por normas técnicas do Ministério da Saúde. Esses requisitos visam à proteção ao doador e à segurança de quem vai receber o sangue. Conheça os critérios:

O doador deve

  • Trazer documento oficial de identidade com foto;
  • Estar bem de saúde;
  • Ter idade entre 18 e 69 anos, 11 meses e 29 dias;
  • Doadores com idade de 16 e 17 anos são aceitos para doação mediante a autorização formal dos pais e/ou responsável legal, acompanhado de xerox da carteira de trabalho ou cópia da identidade do responsável (autorização aqui);
  • Pesar mais de 50 kg;
  • Não estar em jejum;
  • Evitar alimentos gordurosos nas três horas que antecedem a doação;
  • Não fumar duas horas antes da doação;
  • Não ingerir bebida alcoólica nas últimas 12h.

Impedimentos temporários

  • Febre;
  • Gripe;
  • Gravidez;
  • 90 dias após parto normal e 180 dias após cesariana;
  • Uso de alguns medicamentos;
  • Pessoas que adotaram comportamento de risco para doenças sexualmente transmissíveis;
  • Tatuagem e piercing (um ano).

Impedimentos Definitivos

  • Hepatite após os 11 anos de idade;
  • Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças transmissíveis pelo sangue: hepatite B e C, AIDS (vírus HIV), vírus HTLV I e II, Doença de Chagas e Malária.

Intervalo para doações

  • Mulheres podem doar a cada três meses, não ultrapassando três doações em um ano;
  • Homens podem doar sangue a cada dois meses, não ultrapassando quatro doações em um ano.

 

Foto: Hemocs