Diocese de Caxias do Sul inicia acolhimento à moradores de rua

Pelo terceiro ano consecutivo, a Diocese de Caxias do Sul, através da Pastoral da Pessoa em Situação de Rua, está promovendo o projeto “Hospedagem Solidária”. As atividades iniciaram nesta terça-feira, dia 07 de julho e devem seguir até meados de setembro. Esta edição também acontecerá novamente no salão paroquial da Paróquia Sagrada Família. Em virtude da pandemia do Covid-19, todos os cuidados estão sendo observados para a segurança dos usuários do projeto, bem como dos voluntários e equipes que atuarão diariamente. Nesta edição, serão atendidas somente as pessoas que já estão sendo acompanhadas pela rede de assistência social da Prefeitura de Caxias do Sul.

De acordo com a coordenadora do projeto, Maria Teresinha Mandelli Grasselli, além do uso do álcool gel, luvas descartáveis e máscaras, outras medidas estão sendo adotadas. “Neste ano, eles não terão armário para guardarem seus pertences. Cada um terá uma caixa plástica que ficará junto com a cama. Além disso, os colchões e os travesseiros estão forrados com um plástico para facilitar a higienização”, explica. Assim como aconteceu no ano passado, antes de ingressar no salão, todos passarão por revista com a guarda municipal. A novidade nesta edição é que o projeto contará novamente com a colaboração de um grupo da ONG Médicos de Rua que farão uma avaliação clínica, medindo a temperatura e observando outros sintomas, para que acessem ao local somente as pessoas que não apresentam sintomas gripais.

O número de voluntários também será restrito. Cada turno contará com a presença de apenas 10 pessoas. Para que haja o devido afastamento entre os colchões, neste ano, o projeto acolherá até 65 homens em situação de rua. De acordo com o pároco da paróquia Sagrada Família, padre Elton Bussolotto Aristides, esta ação da Diocese demonstra uma efetiva resposta evangélica para a situação de vida destas pessoas, principalmente, neste momento de enfrentamento de uma pandemia neste período do inverno, conclui. Fonte: Assessoria de Comunicação da Diocese de Caxias do Sul.

 

Fotos: Pe. Elton Aristides/Ass. de Comunicação da Diocese