Farmácia Solidare e Atitude Cidadã recebem menção honrosa durante o Prêmio Gestor Público 2018

Farroupilha mais uma vez foi agraciada com o Prêmio Gestor Público 2018, que avalia e reconhece publicamente os melhores projetos das administrações públicas municipais do Rio Grande do Sul. Dos quatro projetos inscritos pela Administração Municipal, dois foram reconhecidos com Menção Honrosa: Farmácia Solidare e Atitude Cidadã. A cerimônia de premiação dos projetos vencedores foi realizada na noite de terça-feira, 6, no Teatro Dante Barone da Assembleia Legislativa, em Porto Alegre.

O projeto Farmácia Solidare já havia sido premiado com o Prêmio Gestor Público em 2015 e com Menção Honrosa em 2016. O projeto Atitude Cidadã levou o troféu Prêmio Gestor Público Administração Tributária em 2017. O reconhecimento agora, em 2018, com mais Menção Honrosa, é pela manutenção desses projetos.

A comissão julgadora foi formada por representantes do Sindifisco-RS, Afisvec, Assembleia Legislativa, Banrisul, ARI, Ajuris, Famurs, PGQP e Fecomércio. O tema em destaque nesta edição foi “Receita para Crescer: Alternativas para sair da crise via incremento da arrecadação”. A solenidade de premiação contou com as apresentações do Coral da Secretaria da Fazenda e do Grupo Monte Belo – Música, Canto e Dança, projeto vencedor do Prêmio Gestor Público 2017.

 

Farmácia Solidare

Coordenado pela Primeira Dama Francis Somesni, o projeto lançado em junho de 2015 tem como objetivos contribuir para o tratamento de saúde de pessoas carentes, reduzir o desperdício de medicamentos, diminuir o descarte incorreto no meio ambiente, evitar a automedicação e as intoxicações. Nesses três anos do projeto, mais de 10 mil pessoas receberam remédios gratuito. Além disso, foram retiras do meio ambiente mais de dois mil quilos de medicamentos vencidos.

Para ajudar, basta entregar os remédios nos pontos de coleta espalhados pelas Unidades Básicas de Saúde, sede da Prefeitura, CEAC, Câmara de Vereadores, sindicatos, e algumas empresas do município. Podem ser doados qualquer tipo de medicação, inclusive fora das caixas. Todo material passa por triagem que avalia também lotes e condições dos comprimidos. Para ser beneficiado é preciso apresentar receita médica do Sistema Único de Saúde (SUS) e comprovante de residência de Farroupilha ou apresentar receita médica particular, comprovante de renda pessoal de até um salário mínimo e meio e comprovante de residência de Farroupilha.

 

Atitude Cidadã

Através da educação fiscal, o projeto busca sensibilizar a comunidade escolar para os benefícios da Administração Tributária. Além de disseminar conhecimento sobre administração financeira, a iniciativa forma cidadãos conscientes, protegendo e preparando estes para a lide diária do consumo e do exercício de seus direitos e deveres. Na prática, os reflexos positivos chegam ao município a partir da exigência de cupons fiscais no comércio e na prestação de serviços, atitude que reverte em mais recursos para serem investidos na própria população.

 

Informações: Assessoria de Imprensa / Prefeitura de Farroupilha

Fotos: Adroir Fotógrafo