Grupo que fará caminhada técnica no Caminhos de Caravaggio sairá nesta sexta-feira

Quatro representantes de Farroupilha percorrerão toda a extensão do roteiro Caminhos de Caravaggio, um total de 186 quilômetros entre os Santuários de Nossa Senhora de Caravaggio em Canela e Farroupilha, para verificar as necessidades ao longo do percurso. O secretário de Cultura e Turismo e o de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda, Francis Casali e Roque Severgnini, respectivamente, o empresário Gilberto Galafassi e o juiz Mario Romano Maggioni sairão nesta sexta-feira, dia 11, e devem chegar ao fim do roteiro na quarta-feira, dia 16, à tarde. O caminho passa pela área urbana e/ou rural dos municípios de Canela, Gramado, Nova Petrópolis, Caxias do Sul e Farroupilha.

De acordo com o secretário de Turismo e Cultura, Francis Casali, a caminhada técnica será feita com o intuito de conhecer o local da forma como o turista ou romeiro vai percorrer, apontando o que deve ser melhorado, a necessidade de aperfeiçoamento na infraestrutura, locais para descanso e hospedagem, entre outros tópicos. Segundo Casali, a partir das caminhadas que ele realizou anteriormente, uma das principais demandas é a sinalização através de placas. “A maior dificuldade ainda é a sinalização. Os municípios estão se organizando, confeccionando as placas de sinalização, e por isso a gente ainda não lançou oficialmente para os peregrinos”, explica o secretário.

O caminho pode ser traçado em ambos os sentidos, partindo de Canela com destino a Farroupilha ou o inverso. Quanto as questões burocráticas, o município de Farroupilha já está com a lei que autoriza o ingresso no consórcio Caminhos de Caravaggio aprovada. As demais cidades devem ter a aprovação da lei após o fim do recesso legislativo. Provavelmente, até março o consórcio dos municípios esteja oficializado.

“A ideia é que a partir do finalzinho do mês de abril, início do mês de maio, a gente possa fazer o lançamento oficial com todo o apoio, com material de divulgação, com os mapas, com o Passaporte do Romeiro. Enfim, com toda a infraestrutura necessária para o romeiro poder fazer essa caminhada com tranquilidade”, revela Casali.

 

Ouça a entrevista com secretário de Turismo e Cultura de Farroupilha, Francis Casali:

 

Foto: Mariana Ávila