Hospital Geral de Caxias do Sul suspende decisão de fechar 50 leitos

A Fundação Universidade de Caxias do Sul, emitiu nota nesta terça-feira onde comunica que suspendeu a decisão de fechar 50 leitos dos 227 existentes no Hospital Geral (HG) em função do déficit financeiro da instituição hospitalar. O HG atende pacientes de 49 municípios, 100% SUS. A previsão para 2018 era de um déficit de R$ 7 milhões.

Conforme a nota divulgada, está tramitando no Governo do Estado um aditivo contratual para que o Hospital Geral receba mensalmente um acréscimo de R$ 1,4 milhão nos recursos encaminhados à entidade. O repasse vigorará entre junho e agosto de 2018, que somado aos R$ 2.831.920,00, já encaminhados mensalmente, representará um valor de R$ 4.231.920,00/mês.

Embora esses recursos não cubram integralmente o déficit previsto para o orçamento do HG em 2018, possibilita a continuidade do pleno atendimento, sem o fechamento dos leitos, como anunciado no dia 6 de abril.

De acordo com o presidente do Conselho Diretor da Fundação Universidade de Caxias do Sul, professor Ambrósio Luiz Bonalume, fica suspensa a decisão de fechar cerca de 50 leitos da entidade hospitalar e espera-se que a partir de agosto, quando se encerra a vigência do aditivo contratual, o Estado mantenha os repasses de valores para o pleno atendimento do Hospital Geral, beneficiando a comunidade caxiense e regional.

Atualmente, o HG recebe um repasse mensal de R$ 2,8 milhões do Estado, cerca de R$ 1,075 milhão do Governo Federal, R$ 214,6 mil da prefeitura de Caxias e R$ 100 mil mensais da Universidade de Caxias do Sul para pagar por estágios de estudantes da área da saúde.

 

Foto: Elisângela Dewes-Divulgação