Iniciam obras de revitalização do Recanto das Graças em Caravaggio

Dois ambientes localizados na esplanada do Santuário de Caravaggio passarão por obras ao longo dos próximos meses, a fim de utiliza-los de uma melhor forma. Trata-se do Recanto das Graças, que fica no lado esquerdo da igreja, e a criação da Central de Atendimento ao Turista (CAT), que funcionará na base da torre do sino. Neste momento, os profissionais estão trabalhando na reforma dos banheiros, que ficam na parte inferior do Recanto das Graças. Segundo o secretário de Planejamento de Farroupilha, Gabriel Tavares, a previsão de término é para o dia 05 de outubro, embora o prazo poderá ter variações devido às condições climáticas.

O projeto arquitetônico de ambos os espaços foi custeado pelo Santuário, elaborado pelos arquitetos Dangle Julio Mariani e Bernadete Corso Gazzi, do escritório Casa & Cozinha, de Caxias do Sul, e, posteriormente, doado à Prefeitura de Farroupilha, juntamente com a cedência dos espaços. A partir daí, a prefeitura ficou responsável pelo desenvolvimento do projeto estrutural, elétrico, o orçamento da parte arquitetônica, além da gestão do processo licitatório. A obra está orçada em R$ 205.939, 78, provenientes do Ministério do Turismo, por meio de emenda parlamentar do Deputado Federal Mauro Pereira (PMDB). A empresa vencedora responsável pela execução da obra é a LMC Construções Ltda.

O arquiteto, Dangle Julio Mariani, explica melhor a reforma, pontuando que no Recanto das Graças, que basicamente é um laje de concreto com sanitários na parte inferior, o mirante receberá um novo layout e uma nova proposta e os banheiros passarão por manutenção. Todo o espaço foi projetado para ter acessibilidade por meio de rampas, enquadradas à legislação. Para o reitor do Santuário, padre Gilnei Fronza, a elaboração do projeto foi muito importante, pois foi possível inserir elementos que mostram que, em sua essência, este é um espaço de fé. “A proposta do pensar e de fazer o projeto dentro dessa concepção de que ele seja um espaço que motive uma experiencia de fé”, comenta o reitor.

O local também seguirá recebendo as fitinhas coloridas de Nossa Senhora, como já estavam sendo colocadas pelo fiéis antes do início das obras. Para que fosse possível realizar a inclusão alguns itens no gradil e a pintura do mesmo, as que haviam sido amaradas foram retiradas, mas, a partir de agora, novas fitinhas já estão sendo colocadas no no espaço pelos fiéis. “Quando o devoto vem ele amarra a sua fitinha, faz o seu pedido, deixa a sua prece. É uma outra forma, assim como as pessoas que conseguem a graça deixam a sua recordação nos ex-votos ou deixam flores aos pés de Nossa Senhora, a fitinha seria mais um elemento pra dizer assim: esse lugar é abençoado, porque aqui eu recebi algo que eu tanto queria”, explica.

Já o Centro de Atendimento ao Turista (CAT) ficará em um local que, segundo a arquiteto, até então, estava ocioso. O espaço abrigará informações turísticas dos locais para visitação na própria esplanada, como, também, orientações e dicas para visitação de outros pontos de Farroupilha e região. Além disso, o local possui um sino que é tocado por todos os peregrinos que concluem o roteiro turístico Caminhos de Caravaggio. “É mais uma delicadeza que o nosso devoto, que o nosso peregrino, que o turista que aqui passa vai ter no sentido de ser guiado, de ter essa orientação”, conclui Pe. Gilnei.

O secretário de Turismo e Cultura de Farroupilha, Francis Casali, revela que o Santuário e a Prefeitura estão trabalhando na formatação do funcionamento da central de informações, mas que a ideia inicial é de que funcione nas sextas, sábados e domingos, entre as 10h às 16h e, dependendo do andamento, futuramente poderão ser ampliados os dias e horários.

 

Ouça a entrevista com o arquiteto Dangle Julio Mariani, secretário de Penejamento de Farroupilha Gabriel Tavares, o reitor do Santuário, padre Gilnei Fronza e o secretário de Turismo e Cultura de Farroupilha Francis Casali:

 

Confira as imagens do projeto de revitalização do Recanto das Graças e da criação do Centro de Atendimento ao Turista (CAT):

 

Foto: Gleici Trois