Prefeitos da Amesne vão adotar protocolos variáveis do estado no combate à pandemia

A proposta saiu de uma reunião virtual realizada na tarde desta segunda-feira, 14, quando os prefeitos que compõem a Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (Amesne) e a região Covid-19 decidiram adotar os mesmos protocolos variáveis do Estado. A decisão levou em consideração as diferenças observadas entre os municípios no que se refere aos dados relacionados à pandemia. No entanto, municípios que optarem em restringir mais os protocolos variáveis terão essa autonomia. Apenas não é permitida maior flexibilização sem a aprovação de dois terços dos municípios que integram a Associação.

Para o presidente Fabiano Feltrin, desta forma há mais organização e entendimento da população quanto às regras a serem seguidas. “Temos os protocolos obrigatórios, que são válidos para todas as regiões do Estado, sem possibilidade de mudanças. Já os protocolos variáveis podem ser alterados pelas Associações regionais. No entanto, com essa aprovação dos membros da Amesne, seguiremos todas as regras estaduais. Entendo ser uma forma justa e clara de cada local aplicar suas regras conforme sua realidade.”, salientou.

Os municípios terão que revogar seus decretos e publicar um novo, cujo modelo está sendo elaborado pelo Comitê Técnico da Amesne. Com isso, as novas regras passam a valer assim que o documento for publicado por cada município.

Foto: Divulgação/Amesne