Sábado do Trabalhador terá Saúde do Homem como tema neste sábado

Mais uma edição do Sábado do Trabalhador acontece neste sábado dia 18 de novembro, e para esse mês o foco está na Saúde do homem, em total sintonia com a conscientização representada pelo Novembro Azul.

O atendimento acontece nas Unidades Básicas de Saúde do Primeiro de Maio, São José, Monte Pasqual, Industrial, América, Medianeira, Cinquentenário, Belvedere, Cruzeiro e Central, com exceção da Vila Esperança e do Burati.

O horário será das 8h às 12h, com atendimento das especialidades de fisioterapia, dentista, psicólogo e enfermagem. Além da coleta de testes preventivos, orientações e encaminhamentos necessários para a saúde. Além disso, estarão disponíveis a vacinação em geral, bem como a vacina contra a Covid-19.

Os atendimentos precisam ser agendados previamente diretamente com a unidade interessada. Já no programa Sábado do Trabalhador Rural, a Unidade Móvel de Saúde estará na comunidade de Mundo Novo no mesmo horário das demais Unidades Básicas de Saúde.

Dentro da programação do Sábado do Trabalhador, a Farmácia de Todos, que atende na Rua Tomas Edson, 527, ao lado do Centro Administrativo, irá ter atendimento neste sábado, funcionando das 8h30min às 12h30min para a retirada de medicamentos mediante a prescrição médica.

As ações desenvolvidas pelo Programa Sábado do Trabalhador ocorrerão durante todo o ano, cada mês com tema diferente. Confira abaixo a calendário com a programação completa do ano e o telefone das UBS para agendamento e atendimento:

Agende seu atendimento:

UBS Central – (54) 99916-1459
ESF São José – (54) 99936-5798
ESF 1º de Maio I e II – (54) 99902-7318
ESF América– (54) 99943-8254
ESF Industrial: (54) 99697-4092
ESF Monte Pasqual – (54) 99955-3374
ESF Medianeira – (54) 99918-2285
ESF Belvedere – (54) 99902-1611
ESF Cinquentenário – (54) 99965-6512
ESF Cruzeiro – (54) 99683-9394
Ambulatório- (54) 99967-3645
Marcação de consultas – 0800 440 7999 / 3056-7999

Programa Sábado trabalhador:
16 de dezembro – Proteção contra a violência