Serra gaúcha retorna para a bandeira vermelha após 15 semanas em laranja

Na semana que a Serra Gaúcha completou 100 dias na bandeira laranja, equivalente a 15 semanas, o Governo do Estado anunciou nesta sexta-feira, 13, que a região poderá retornar para a bandeira vermelha na próxima semana. Além da macrorregião de Caxias do Sul, outras dez regiões foram classificadas com a bandeira que indica risco alto de contágio, exigindo maior controle na circulação e abertura do setor econômico, entre outros.

De acordo com o presidente em exercício da Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (Amesne), Flávio Cassina, a entidade irá recorrer a decisão, já que é possível contestar até domingo, 15 de novembro. O mapa definitivo será divulgado na segunda-feira, 16, e estará em vigência entre os dias 17 e 23 de novembro.

Segundo o Comitê de Dados, a redução na disponibilidade de leitos de UTI acabou prejudicando a maior parte das regiões. Em uma semana, a região de Caxias teve piora em sete índices, sendo que cinco são classificadas como de risco máximo: hospitalizações por covid-19, internações em leitos clínicos, internações em UTI, hospitalizações por 100 mil habitantes e leitos de alta-complexidade livres.

Ouça o áudio do presidente em exercício da Amesne, Flávio Cassina:

 

Foto: Divulgação/Governo do Rio Grande do Sul