União das Associações de Bairros ouve órgãos de segurança e outras entidades durante assembleia

Após três meses sem encontros, a União das Associações de Bairros de Farroupilha (UAB) promoveu na noite desta sexta-feira, 10, no Salão do Bairro Farrapos, sua tradicional Assembleia Ordinária. No ocasião, estiveram presentes os representantes dos bairros, como também membros do Comando Regional da Brigada Militar, da Polícia Civil, da Ecofar, do grupo de voluntários As Andorinhas e da Prefeitura Municipal. Cada instituição falou sobre os serviços prestados à comunidade, como também foi solicitada a colaboração das lideranças para que o trabalho seja ainda mais efetivo e qualificado.

BRIGADA MILITAR

O subcomandante do 36º Batalhão da Polícia Militar, Major Giovani Gomes, salientou o trabalho ostensivo realizado nos bairros e comunidades rurais, a fim de inibir a criminalidade e dar mais segurança aos cidadãos. Já o tenente Lucas Ribeiro Pereira parabenizou a iniciativa de moradores do 3º Distrito, que vêm desenvolvendo projetos de segurança, com a instalação de câmeras de segurança comunitárias. Além disso, ele orientou os presidentes sobre a importância de registrar as ocorrências via telefone 190, tendo o whatsapp da BM somente para complemento das informações.

POLÍCIA CIVIL

O delegado Ederson Bilhan explicou a função da Polícia Civil e o trabalho desempenhado em Farroupilha. O órgão realiza muitos trabalhos burocráticos, como a investigação de crimes, despacho de pareceres, entre outros. Bilhan convidou os líderes para conhecerem a Delegacia de Polícia. Também motivou-os para que, sempre que tiverem suspeitas ou informações, comuniquem a polícia, pois isso ajuda na elucidação de crimes, em prol da segurança pública.

ECOFAR

O presidente da Ecofar, Renato Tartarotti, aproveitou o momento para estreitar a relação da empresa com os presidentes de bairros, a fim de que eles informem as demandas de cada bairro. Tartarotti disse que vem trabalhando para qualificar os serviços de limpeza urbana e coleta de lixo no município. Quanto às roçadas, muitos moradores reclamam do barulho feito no início da manhã, mas ele explica que em alguns pontos – como no centro e nas rodovias – é necessário ser feito nesse horário, em razão do movimento de pessoas e veículos nos demais horários do dia.

PREFEITURA MUNICIPAL

O responsável pela relação com a comunidade, Cristian Tonin, revela que o prefeito, vice-prefeito e o secretário de Finanças estarão, neste final de semana, desenvolvendo o Plano Orçamentário 2022. Há alguns meses, todos os presidentes de bairros entregaram cinco demandas por localidade, sendo que algumas delas deverão ser contempladas nas finanças deste próximo ano. Conforme Tonin, após o planejamento, haverá uma conversa com os presidentes para debater o que foi selecionado para entrar no plano da Prefeitura Municipal.

UNIÃO DAS ASSOCIAÇÕES DE BAIRROS

O presidente da União das Associações de Bairros (UAB) ressaltou que esta assembleia foi muito importante, pois fez com que as lideranças se aproximassem ainda mais dos órgão públicos. Dilço acredita que trata-se de um trabalho conjunto, onde as entidades conseguem oferecer um serviço ainda melhor quando há a colaboração dos cidadãos.

Quanto à relação com a prefeitura, Dilço afirma que há dificuldades na resolução de algumas demandas, embora outras estejam sendo atendidas. A prefeitura informou à UAB que, neste ano, não seria possível fazer grandes obras devido ao orçamento. Por isso, os presidentes vão buscar ficar informados do planejamento do orçamento de 2022, para debater quais obras serão contempladas.

Foto: Gleici Trois