Rádio Miriam apresenta série de reportagens sobre o projeto “Nosso voto, Nossa voz”

Os três poderes, Executivo, Legislativo e Judiciário, independentes e unidos entre si, são categorias dos poderes políticos presentes na democracia de um país. A própria República Federativa do Brasil constitui-se em Estado democrático de direito no qual “todo poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente” é o que diz, o artigo 1º, parágrafo único, da Constituição Federal de 1988.

Lembrando das diferentes obrigações e trabalhos dentro do cotidiano da Justiça, se pode elencar diversas ações diretamente ligadas ao dia a dia da população e do próprio cidadão, também fora dos tribunais. E quando essas esferas de poder, juntas, realizam ações, a democracia agradece. Por isso, é da Escola do Legislativo caxiense, uma das realizações e dos exemplos que envolve os poderes, associações, universidades e a comunidade caxiense e regional para que cotidiano dos dias seja referência para o debate democrático. O projeto “Nosso voto, Nossa voz”, conta com a produção de materiais e vídeos didáticos sobre as eleições que acontecem neste ano.

Tendo como fundo o projeto, a Rádio Miriam apresentou a série de reportagens “Nosso voto, Nossa voz”, como uma iniciativa pioneira que debate com a comunidade local e regional a importância das eleições de 2022 e como explicar um pleito eleitoral de forma simples e acessível ao eleitor. As reportagens foram veiculadas nos dias 18, 19, 20 e 21 de julho durante o programa Jornal da Manhã. A produção e apresentação da série “Nosso Voto, Nossa voz”, foi do jornalista Tales Armiliato.

De acordo com a Diretora da Escola do Legislativo caxiense, vereadora Marisol Santos (PSDB), não seria possível realizar um projeto, como conta a série de reportagens, sem a companhia de outros parceiros na realização: o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RS), a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) – Subseção Caxias do Sul e o Instituto Gaúcho de Direito Eleitoral (IGADE), com o apoio de algumas instituições de ensino superior localizadas em Caxias do Sul.

Conforme o jornalista Tales Armiliato, a série de reportagens com 4 capítulos procurou mostrar para a sociedade como é importante a construção de projetos com a participação dos diferentes poderes e da comunidade local e regional para desmistificar “conceitos, processos, dúvidas e informações” que em época de eleições surgem com força.

“Uma das questões que surgem sempre em tempos de eleições é a desinformação ou notícias falsas como as fake news. Isso só atrasa a democracia. A série de reportagens apresenta depoimentos de desembargadores do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ-RS), do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE-RS), professores, pesquisadores, associações, representantes da comunidade local e regional, contribuindo para o bem da democracia. Quem ganha é o eleitor e o processo democrático”, completa Armiliato.

 

ACOMPANHE A SÉRIE DE REPORTAGENS “NOSSO VOTO, NOSSA VOZ”

 

1ª PARTE (Veiculação: 18/07/2022)

A realização do projeto “Nosso voto, Nossa voz”

 

2ª PARTE (Veiculação: 19/07/2022)

As manifestações de estudiosos e autoridades sobre o combate a desinformação

 

3ª PARTE (Veiculação: 20/07/2022)

A urna eletrônica: a responsável por trazer a apuração dos votos de forma correta e eficaz

 

4ª PARTE (Veiculação: 21/07/2022)

Uma avaliação do projeto que simplificou o peso de discutir política, voto e eleições na Serra Gaúcha

 

Legenda: Evento de lançamento do projeto foi realizado no final de abril no Plenário da Câmara de Vereadores de Caxias do Sul
Foto: Gabriel Lain